O guia rápido do Dashboard tem as seções:

  • O que é o Dashboard?
  • Como configurar o sistema para utilizar o Dashboard?
  • Como acessar o ambiente de personalização de painéis no Dashboard?
  • Quais são as tabelas de dados exportadas para o Dashboard?
  • Como personalizar as tabelas de dados no Dashboard?
  • Como criar fórmulas nas tabelas de dados do Dashboard?
  • Como criar gráficos no Dashboard?
  • Como criar tabelas dinâmicas no Dashboard?
  • Como criar painéis no Dashboard?
  • Como criar KPIs no Dashboard?
  • Como criar painéis de gestão no Nomus ERP Industrial?
  • Como criar alertas para relatórios no Dashboard?
  • Como criar apresentações de slides no Dashboard?
  • Como criar gráficos com geolocalização no Dashboard?


O que é o Dashboard?


Quem não mede, não gerencia. 


Esse ditado, muito conhecido no mundo da gestão de negócios reflete a necessidade de definir objetivos, monitorar indicadores de desempenho, estabelecer metas e utilizar relatórios de gestão com informações precisas para tomar as decisões certas e motivar sua equipe


Este é um dos principais segredos da boa gestão.


Para gerar relatórios gerenciais, é uma prática muito comum nas empresas exportar dados para uma planilha Excel, tratar esses dados e gerar relatórios. 


Essa pratica normalmente demanda um tempo precioso da equipe e está muito sujeita a falhas. 


Muitas vezes, quando os relatórios gerenciais chegam às mãos da Diretoria, já é tarde demais para tomar uma decisão, outras vezes, a informação está incorreta e pode levar a tomada de uma decisão equivocada.


Com o Dashboard é possível transformar os dados da sua empresa em informações preciosas para gestão em tempo real do negócio com incrível flexibilidade e facilidade.


Utilizando o ERP Industrial sua empresa possui dados de diversas naturezas como por exemplo:

  • Vendas e faturamento: Solicitações de cotação, propostas comerciais, pedidos de venda, documentos de saída e comissões de venda.
  • Compras e recebimento: Solicitações de compra, cotações de compra, coletas de preços de fornecedores, pedidos de compra e documentos de entrada.
  • Financeiro: Contas a receber, recebimentos, contas a pagar e pagamentos.
  • Produção: Ordens de produção, empenhos de materiais, operações do roteiro da ordem, requisições pela produção, reportes da produção e reportes de subproduto.
  • Estoque: Movimentações de estoque.
  • Chão de fábrica: Apontamentos da produção.
  • Programação da produção: Operações programadas.
  • Qualidade: Não conformidades, inspeções na produção e inspeções de recebimento.
  • CRM & BPM: Processos.
  • Projetos: Projetos e tarefas.
  • Documentos: Documentos.
  • Expedição: Romaneios de expedição.


Todos esses dados podem ser exportados para tabelas de dados no Dashboard.


A partir dessas tabelas de dados sua empresa consegue criar tabelas dinâmicas, gráficos, KPIs (indicadores de desempenho) e painéis de gestão personalizados e atualizados em tempo real.


Os principais diferenciais do Dashboard são:

  • Gestão em tempo real: Os relatórios são atualizados em tempo real a partir dos registros no sistema.
  • Flexibilidade: Qualquer dado disponível no sistema Nomus pode ser analisado no Dashboard.
  • Personalizado: Os relatórios podem ser totalmente personalizados de acordo com as particularidades da sua empresa.
  • Fácil de usar: A ferramenta é muito intuitiva, é possível utilizar as principais funcionalidades com muito facilidade.
  • 100% web: A ferramenta tem tecnologia 100% web.
  • Recursos poderosos: É possível utilizar recursos poderosos como fórmulas personalizadas, gráficos de geolocalização, alertas personalizados e apresentações de slides. 


Veja abaixo um exemplo de um painel criado no Dashboard:



Como configurar o sistema para utilizar o Dashboard?


Como ativar o Dashboard da sua empresa?


Envie um email para suporte@nomus.com.br solicitando a ativação da base do Dashboard para sua empresa.


Após enviar esse email, um ticket será criado na Central de Ajuda, e normalmente em até 24 horas úteis, o Suporte da Nomus fará a ativação da base de dados do Dashboard da sua empresa.


Como cadastrar os usuários para utilizar o Dashboard?


O Dashboard tem um cadastro de usuários especifico integrado com o cadastro de usuários do Nomus ERP Industrial.


Você deverá cadastrar no Dashboard todos os usuários que irão criar e(ou) utilizar os relatórios do Dashboard.


Para fazer isso, acesse a tela "Usuários" e pesquise pelo usuário que deseja cadastrar no Dashboard.


Edite esse usuário e na aba "Dashboard" preencha o campo "Email para acesso ao Nomus Dashboard" com o email no padrão:

  • nomedasuaempresa@nomus.com.br


Por exemplo, se você acessa o sistema Nomus através do endereço https://www.nomus.com.br/sucesso, o nome da sua empresa é "sucesso" e o endereço que deve ser preenchido é:


Veja abaixo esse campo em destaque no cadastro de usuários:

Após preencher o email clique no botão "Salvar".


Após salvar a edição do usuário, clique no usuário e utilize o submenu "Cadastrar usuário no Dashboard" como na imagem a seguir:



Após utilizar esse submenu você receberá uma mensagem de sucesso "Usuário cadastrado no Dashboard com sucesso".


Como acessar o ambiente de personalização de painéis no Dashboard?


Faça login no sistema com um usuário que já tenha sido cadastrado no Dashboard.


Acesse a tela "Cadastro de painéis" e clique no botão "Funções especiais > Personalizar painéis".


Se o seu usuário já estiver com as credenciais salvas no navegador de internet você já será levado para o ambiente de personalização de painéis como a seguir:



Caso o seu usuário não esteja com as credenciais salvas no navegador de internet você já será levado para a tela de login do Dashboard aonde deverá preencher os campos:

  • Usuário: Digite o mesmo usuário que você utiliza para acessar o sistema Nomus
  • Senha: Digite a mesma senha que você utiliza para acessar o sistema Nomus
  • Empresa: Digite o nome da sua empresa. Por exemplo, se você acessa o sistema Nomus através do endereço https://www.nomus.com.br/sucesso, o nome da sua empresa é "sucesso".


Veja abaixo um exemplo da tela de login do Dasboard:



Quais são as tabelas de dados exportadas para o Dashboard?


No Dashboard as tabelas de dados são identificadas sempre com o prefixo "dwlc_" que significa "Data Warehouse Live Connect".


Em alguns casos uma mesma tabela de dados recebe dados de mais de uma tela do sistema.


Por exemplo, a tabela "dwlc_itemdocumentoestoqueservico" atende as telas "Documentos de saída", "Documentos de entrada", "Documentos de venda de serviço" e "Documentos de compra de serviço", e a diferenciação é feita através do discriminador "Discriminador do item documento estoque/serviço".


A seguir apresentamos as tabelas de dados exportadas para o Dashboard separadas por áreas.


Cadastros gerais

  • Produtos: dwlc_produtos
  • Pessoas: dwlc_pessoas


Vendas e faturamento

  • Solicitações de cotação: dwlc_itemsolicitacaocotacao
  • Análise critica das solicitações de cotação: dwlc_analisecritica
  • Propostas comerciais: dwlc_itemproposta
  • Rejeição de propostas comerciais: dwlc_rejeicaoitemproposta
  • Pedidos de venda: dwlc_itempedidovenda
  • Documentos de saída: dwlc_itemdocumentoestoqueservico - Os documentos de saída têm a coluna "Discriminador do item documento estoque/serviço" igual à "Documento de saída".
  • Comissões: dwlc_comissoes
  • Documentos de venda de serviço: dwlc_itemdocumentoestoqueservico - Os documentos de saída têm a coluna "Discriminador do item documento estoque/serviço" igual à "Documento de venda de serviço".


Compras e recebimento

  • Solicitações de compra: dwlc_solicitacoesdecompra
  • Cotações de compra: dwlc_itemcotacaocompra
  • Coletas de preços de fornecedores: dwlc_coletaprecoscotacao
  • Pedidos de compra: dwlc_itempedidocompra
  • Documentos de entrada: dwlc_itemdocumentoestoqueservico - Os documentos de saída têm a coluna "Discriminador do item documento estoque/serviço" igual à "Documento de entrada".
  • Documentos de compra de serviço: dwlc_itemdocumentoestoqueservico - Os documentos de saída têm a coluna "Discriminador do item documento estoque/serviço" igual à "Documento de venda de serviço".


Financeiro

  • Contas a receber: dwlc_agendamentofinanceiro - As contas a receber têm a coluna "Natureza" igual à "Entrada".
  • Recebimentos: dwlc_lancamentofinanceiro - Os recebimentos têm a coluna "Natureza" igual à "Entrada".
  • Contas a pagar: dwlc_agendamentofinanceiro - As contas a receber têm a coluna "Natureza" igual à "Saída".
  • Pagamentos: dwlc_lancamentofinanceiro - Os recebimentos têm a coluna "Natureza" igual à "Entrada".
  • Baixas sem numerário de contas a receber: dwlc_baixasemnumerario - Os recebimentos têm a coluna "Natureza" igual à "Entrada".
  • Baixas sem numerário de contas a pagar: dwlc_baixasemnumerario - Os recebimentos têm a coluna "Natureza" igual à "Saída".


Produção

  • Ordens de produção: dwlc_ordem
  • Empenhos de materiais: dwlc_empenhos
  • Operações do roteiro da ordem: dwlc_operacaoroteiroordem
  • Requisições pela produção: dwlc_movimentacaoproducao - As requisições pela produção têm a coluna "Função na produção" igual à "Requisição pela produção" e as devoluções de requisição pela produção igual à "Devolução de requisição pela produção".
  • Reportes da produção: dwlc_movimentacaoproducao - Os reportes da produção têm a coluna "Função na produção" igual à "Reporte da produção" e as devoluções de reporte da produção igual à "Devolução de reporte da produção".
  • Reportes de subproduto: dwlc_movimentacaoproducao - Os reportes de subproduto têm a coluna "Função na produção" igual à "Reporte de subproduto" e as devoluções de reporte de subproduto igual à "Devolução de reporte de subproduto".


Estoque

  • Movimentações de estoque: dwlc_movimentacaoproducao - Todas as movimentações de estoque são exibidas nessa tabela. As colunas chave para diferenciar as movimentações de estoque são:
    • Natureza do tipo de movimentação
    • Classificação da natureza devolução
    • Classificação da natureza transferência
    • Função no estoque
    • Função na produção


Chão de fábrica 

  • Apontamento: dwlc_apontamentos


Programação da produção

  • Programação: dwlc_operacoesprogramadas


Qualidade

  • Registros de não conformidades: dwlc_naoconformidades
  • Inspeções na produção: dwlc_resultadoinspecao - Os resultados de inspeção na produção têm a coluna "Discriminador" igual à "Produção".
  • Inspeções de recebimento: dwlc_resultadoinspecao - Os resultados de inspeção na produção têm a coluna "Discriminador" igual à "Recebimento".


CRM & BPM

  • Processos: dwlc_processos - Os processos têm a coluna "Natureza do tipo de processo" igual à "Padrão".


Projetos

  • Projetos: dwlc_processos - Os projetos têm a coluna "Natureza do tipo de processo" igual à "Projeto".
  • Tarefas de projetos: dwlc_processos - As tarefas de projetos têm a coluna "Natureza do tipo de processo" igual à "Tarefa de projeto analítica" ou "Tarefa de projeto sintética".


Documentos

  • Documentos: dwlc_documentos


Expedição

  • Romaneios: dwlc_itemdocumentoestoqueservico - Os romaneios de expedição têm a coluna "Discriminador do item documento estoque/serviço" igual à "Romaneio".


Recentemente a Nomus fez um upgrade tecnológico no Dashboard e lançou uma nova versão que viabilizou a conexão em tempo real com o Nomus ERP Industrial.


Com o lançamento dessa versão nós tivemos que refazer a exportação de todas as tabelas de dados, e por isso. algumas poucas tabelas apresentadas acima podem ainda não estar disponíveis na nova versão, mas serão criadas pela Nomus nas próximas semanas.


Veja abaixo um exemplo da tabela "Pedidos de venda" (dwlc_itempedidovenda) no Dashboard:



Como personalizar as tabelas de dados no Dashboard?


Clique no menu à esquerda "Dados" e selecione uma tabela de dados, por exemplo "dwlc_itempedidovenda".


Vamos entender as principais personalizações que podem ser feitas na tabela de dados.


Pesquisa, exibição e ordenação de colunas


Clique em "Mais > Mostrar/ocultar coluna".


Veja todas as colunas da tabela como na imagem a seguir:



Nesse quadro é possível:

  • Ver e pesquisar todas as colunas da tabela.
  • Ocultar as colunas da tabela desmarcando os check boxes.
  • Reordenar as colunas da tabela clicando e arrastando.


Dica, também dá para exibir esse quadro clicando no ícone abaixo do botão "Filtrar".


Pesquisa e filtro de dados na tabela


Para fazer uma pesquisa por qualquer dado de qualquer coluna utilize o campo "Pesquisar dados".


Para filtrar os dados da tabela utilize o botão "Filtrar > Criar novo filtro" como na imagem a seguir:



Faça filtros utilizando uma ou mais colunas da tabela.


Se quiser é possível salvar os filtros realizados clicando no botão "Guardar".


Formatação de colunas


Para formatar os dados das colunas, clique em cima da coluna com o botão direito do mouse e utilize o submenu "Formatar coluna".


Ao clicar nesse submenu o sistema abre um quadro para formatar a coluna de acordo com o tipo de dado da coluna.


Veja abaixo um exemplo de formatação para uma coluna com tipo de dado "Data":



Como criar fórmulas nas tabelas de dados do Dashboard?


Nas tabelas de dados é possível criar colunas de fórmula utilizando as colunas da tabela, operadores matemáticos e uma gama da funções pré-definidas em um ambiente parecido com a criação de fórmulas no Excel.


Essa funcionalidade permite uma flexibilidade incrível para análise dos dados das tabelas.


Existem 2 tipos de colunas de fórmulas no Dashboard: 

  • Coluna de fórmula simples
  • Coluna de fórmula agregada


Vamos entender esses 2 tipos de colunas fórmula.


Coluna de fórmula simples


A coluna de fórmula simples existe para que você consiga criar uma coluna calculada considerando apenas os dados de 1 única linha da tabela.


Por exemplo, na tabela de pedidos de venda, considere que você deseja criar uma coluna de fórmula simples para calcular o valor total por kg de cada item de pedido de venda com a fórmula a seguir:

  • Valor total por kg do item do pedido = Valor total NF-e do item do pedido de venda / (Peso bruto unitário do item do pedido de venda x Quantidade do item do pedido)


Para fazer isso clique no botão "Adicionar > Coluna de fórmula".


Preencha o quadro como abaixo:



E clique em em "Guardar".


Ao fazer isso o sistema já cria uma nova coluna na tabela calculando os valores de acordo com a fórmula utilizada.


Coluna de fórmula simples utilizando uma função


Agora vamos dar um exemplo de criação de uma coluna de fórmula utilizando uma função.


Por exemplo, na tabela de pedidos de venda, considere que você deseja criar uma coluna de fórmula simples para calcular o prazo em dias até a data de entrega com a fórmula a seguir:

  • Prazo até a data de entrega = (Data corrente) - (Data de entrega do item do pedido de venda)


Para fazer isso clique no botão "Adicionar > Coluna de fórmula".


Preencha o quadro como abaixo:



E clique em em "Guardar".


Ao fazer isso o sistema já cria uma nova coluna na tabela calculando os valores de acordo com a fórmula utilizada.


Quais são as funções disponíveis?


O Dashboard disponibiliza muitas funções para elaboração de colunas de fórmulas.


Assim como no Excel a melhor forma de conhecer as funções disponíveis é utilizando-as na prática.


Portanto, sempre que você sentir a necessidade de criar uma coluna de fórmula utilizando uma função, nossa recomendação é que você avalie a documentação das funções disponíveis e teste sua aplicação na prática.


Com o tempo e a prática você vai conhecer as principais funções e ficará cada vez mais fácil criar suas próprias fórmulas com autonomia.


Para avaliar a documentação das funções disponíveis basta navegar nas funções e posicionar o mouse em cima do ícone ajuda como na imagem a seguir:



Coluna de fórmula agregada


A coluna de fórmula agregada existe para que você consiga criar uma coluna calculada considerando dados de diversas linhas da tabela.


Por exemplo, na tabela de pedidos de venda, considere que você deseja criar uma coluna de fórmula agregada para calcular o valor total por kg considerando todos os pedidos de venda, e não apenas 1 único item de pedido, com a fórmula a seguir:

  • Valor total por kg de todos os pedidos = Somatório (Valor total NF-e do item do pedido de venda) / Somatório (Peso bruto unitário do item do pedido de venda x Quantidade do item do pedido de venda)


Para fazer isso clique no botão "Adicionar > Agregar fórmula".


Preencha o quadro como abaixo:



E clique em em "Guardar".


Ao fazer isso o sistema NÃO cria uma nova coluna na tabela.


As colunas de fórmula agregada são calculadas em tempo de execução quando utilizadas nos relatórios.


Como ver todas as fórmulas criadas em uma tabela de dados?


Clique no botão "Adicionar > Editar fórmulas".


O sistema abre um quadro exibindo todas as fórmulas como a seguir:



Como criar gráficos no Dashboard?


Nessa seção vamos entender como criar gráficos no Dashboard.


Como exemplo considere que você deseje criar um gráfico para analisar a evolução do valor total de pedidos de venda mês a mês com base na data de entrega planejada.


No canto superior esquerdo clique no botão "Criar > Vista do gráfico" como na imagem a seguir:



Selecione a tabela de dados que você deseja utilizar para criar o gráfico, por exemplo, dwlc_itempedidovenda, e você será direcionado para a tela de criação do gráfico.


Vamos entender os principais elementos dessa tela.


Colunas da tabela

À esquerda veja todas as colunas da tabela, inclusive as colunas de fórmulas simples e agregadas. 

Para utilizar uma coluna no gráfico basta clicar e arrastar para a área que você deseja.


Gráfico - Eixo X

Clique e arraste 1 coluna para o eixo X do gráfico, por exemplo, a coluna "Data de entrega do item do pedido de venda". 


Escolha o formato desejado para a coluna, por exemplo "Mês/ano".


Gráfico - Eixo Y

Clique e arraste uma ou mais colunas para o eixo Y do gráfico, por exemplo, a coluna "Valor total NF-e do item do pedido". 


Escolha a função que será utilizada para calcular os dados dessa coluna, por exemplo "Soma".


Se desejar é possível adicionar mais de 1 coluna no eixo Y.


Clique no botão para pré-visualizar o gráfico.


Tipos de gráfico

Explore os tipos de gráfico disponíveis abaixo da barra de título.


Cor

Se desejar clique e arraste 1 coluna para diferenciar as cores do gráfico.


Por exemplo você pode diferenciar as cores pela coluna "UF do pedido de venda".


Texto

Se desejar clique e arraste 1 coluna para escrever o texto no gráfico.


Por exemplo você pode escrever o texto utilizando a coluna "Valor total NF-e do item do pedido".


Filtros

Se desejar clique e arraste uma ou mais colunas para utilizar como filtros internos no relatório.


Por exemplo você pode filtrar apenas itens de pedidos de venda que estejam com status diferente de cancelado.


Filtros do utilizador

Se desejar clique e arraste uma ou mais colunas para disponibilizar como filtros de usuários.


Por exemplo você pode disponibilizar como filtro para o usuário as colunas Cliente, Grupo de produto, Família de produto e Data de entrega.


Definições

Clique no ícone "Definições" que é uma engrenagem no canto superior direito e defina as configurações:

  • Geral: Defina o nome do gráfico. Recomendamos marcar o campo "Mostrar valores que faltam".
  • Eixo: Informe o nome dos eixos X e Y. 
  • Limites e cores: Não precisa preencher.
  • Formato: Defina a etiqueta e formato de cada elemento do gráfico.
  • Legenda: Se desejar personalize o posicionamento e cores da legenda.
  • Limiar: Se desejar defina 1 a 4 linhas de meta para o seu gráfico.
  • Desagregar: Se desejar personalize os critérios que serão utilizados ao desagregar os dados do gráfico.


Salvar

Clique em "Guardar" para salvar o gráfico.


Veja abaixo como ficou o gráfico de exemplo:


Como criar tabelas dinâmicas no Dashboard?


Nessa seção vamos entender como criar tabelas dinâmicas no Dashboard.


Como exemplo considere que você deseje criar uma tabela dinâmica para analisar o valor total de pedidos de venda por cliente e produto mês a mês.


No canto superior esquerdo clique no botão "Criar > Vista dinâmica" como na imagem a seguir:



Selecione a tabela de dados que você deseja utilizar para criar a tabela dinâmica, por exemplo, dwlc_itempedidovenda, e você será direcionado para a tela de criação da tabela dinâmica.


Vamos entender os principais elementos dessa tela.


Colunas da tabela

À esquerda veja todas as colunas da tabela, inclusive as colunas de fórmulas simples e agregadas. 


Para utilizar uma coluna na tabela dinâmica basta clicar e arrastar para a área que você deseja.


Colunas

Clique e arraste uma ou mais colunas para as colunas da tabela dinâmica, por exemplo, podemos utilizar apenas a coluna "Data de entrega do item do pedido de venda". 


Escolha o formato desejado para a coluna, por exemplo "Ano".


Linhas

Clique e arraste uma ou mais colunas para as linhas da tabela dinâmica, por exemplo, podemos utilizar as colunas "Cliente" e "Código do Produto".


Se selecionar alguma coluna numérica, escolha a função que será utilizada para calcular os dados dessa coluna.


Dados

Clique e arraste uma ou mais colunas para os dados da tabela dinâmica, por exemplo, podemos utilizar a coluna "Valor total NF-e do item do pedido de venda".


Escolha a função que será utilizada para calcular os dados, por exemplo "Soma".


Clique no botão para pré-visualizar o gráfico.


Temas

Explore os temas disponíveis abaixo da barra de título.


Formato tabela vs compacto

Escolha se deseja o formato tabela ou compacto.


Defina se deseja expandir os subníveis das linhas.


Filtros

Se desejar clique e arraste uma ou mais colunas para utilizar como filtros internos no relatório.


Por exemplo você pode filtrar apenas itens de pedidos de venda que estejam com status diferente de cancelado.


Filtros do utilizador

Se desejar clique e arraste uma ou mais colunas para disponibilizar como filtros de usuários.


Por exemplo você pode disponibilizar como filtro para o usuário as colunas UF do Cliente, Grupo de produto e Família de produto.


Definições

Clique no ícone "Definições" que é uma engrenagem no canto superior direito e defina as configurações:

  • Geral: Defina o nome da tabela dinâmica. Avaliar se faz sentido mostrar os valores que faltam nas linhas e colunas.
  • Formato: Defina a etiqueta e formato de cada coluna da tabela dinâmica.
  • Esquema: Se desejar personalize o esquema da tabela dinâmica.


Por fim, se desejar, redimensione a largura das colunas simplesmente arrastando as colunas.


Salvar

Clique em "Guardar" para salvar a tabela dinâmica.


Veja abaixo como ficou a tabela dinâmica de exemplo:


Como criar painéis no Dashboard?


Nessa seção vamos entender como criar painéis no Dashboard.


Os painéis existem para que você possa exibir em uma única tela diversos gráficos, tabelas dinâmicas e KPIs,


Como exemplo considere que você deseje criar um painel de pedidos de venda.


No canto superior esquerdo clique no botão "Criar > Dashboard" como na imagem a seguir:



Você será levado para tela de criação de um painel.


Agora vamos entender os principais elementos dessa tela.


Gráficos e tabelas dinâmicas

À esquerda veja todos os gráficos e tabelas dinâmicas que você criou.


Procure os gráficos e tabelas dinâmicas que você deseja adicionar no painel, e ao localizá-los, simplesmente clique e arraste para adicioná-los ao painel.


Redimensione os gráficos e tabelas dinâmicas da forma que quiser.


Em cada gráfico ou tabela dinâmica clique no ícone "Mais > Opções" se desejar personalizar algumas opções.


Filtros do usuário

Nessa área você vê todos os filtros que estarão disponíveis para o usuário interagir com o painel.


Como padrão o Dashboard já adiciona todos os filtros utilizados nos gráficos e tabelas dinâmicas incluídas.


Se desejar você pode adicionar novos filtros de usuário clicando em "Adicionar os filtros de utilizador".


Por exemplo, clique na coluna "Representante do item do pedido" e arraste para o painel.


Se desejar defina opções padrões para um ou mais filtros do painel.


Por exemplo, defina a opção padrão "2020" para o filtro "Ano de entrega".


Adicionar texto e imagem

Se desejar é possível adicionar textos ou imagens ao painel.


Para fazer isso basta utilizar os botões "Adicionar texto" e "Adicionar imagem"


Salvar

Clique em "Guardar" para salvar o painel.


Veja abaixo como ficou a painel de exemplo:



Como criar KPIs no Dashboard?


Nessa seção vamos entender como criar KPIs (indicadores de desempenho) no Dashboard.


Os KPIs existem para que você possa exibir indicadores de desempenho nos painéis.


Como exemplo considere que você deseje criar os indicadores:

  • Valor total de pedidos de venda no mês
  • Peso total de pedidos de venda no mês
  • Quantidade total pedida no mês


Utilize o menu à esquerda "Dashboards" e selecione o painel que você deseja adicionar os KPIs.


Como exemplo selecione o painel "Dashboard de pedidos de venda".


Clique no botão "Adicionar miniaplicação" e o sistema abrirá um quadro como a seguir:


O Dashboard disponibiliza 9 modelos de KPIs para sua escolha.


Vamos criar alguns KPIs de exemplo.


1) Etiqueta | Valor


Para começar, selecione o modelo mais simples chamado "Etiqueta | Valor".


Dados

Em "Coluna de dados" selecione "Valor total da NF-e do item de pedido" e escolha a função "Soma".


Filtros

Adicione um filtro pela coluna "Status do item do pedido de venda" para remover os itens de pedido de venda cancelados.


Adicione um filtro pela coluna "Data de emissão do item de pedido de venda", selecione a opção "Relativo", e escolha a opção "Este mês" para esse indicador trazer todos os pedidos de venda do mês corrente.


Definições

Em definições personalize a formatação e defina um nome para a etiqueta do indicador.


Clique em "Salvar".


2) Etiqueta | Valor ^ | Etiqueta: Valor 2


Agora vamos selecionar o modelo chamado "Etiqueta | Valor ^ | Etiqueta: Valor 2".


Dados

Em "Coluna de dados" selecione "Valor total por kg de todos os pedidos" e escolha a função "Soma".


Em "Agrupar por" selecione "Data de emissão do item de pedido" com o formato "Mês/ano".


Mantenha as opções padrões nos demais indicadores:

  • Valor principal: Latest
  • Valor secundário: Previous
  • Indicador de comparação: Latest vs Previous


Filtros

Adicione um filtro pela coluna "Status do item do pedido de venda" para remover os itens de pedido de venda cancelados.


Definições

Em definições personalize a formatação e defina um nome para as etiquetas.


Clique em "Salvar".


3) Gráfico de medidor


Agora vamos selecionar o modelo chamado "Gráfico de medidor".


Dados

Em "Coluna de dados" selecione "Quantidade pedida do item de pedido" e escolha a função "Soma".


Em "Agrupar por" selecione a opção "Nenhum".


Defina um "Objetivo" e "Intevalo máximo"


Filtros

Adicione um filtro pela coluna "Status do item do pedido de venda" para remover os itens de pedido de venda cancelados.


Adicione um filtro pela coluna "Data de emissão do item de pedido de venda", selecione a opção "Relativo", e escolha a opção "Este mês" para esse indicador trazer todos os pedidos de venda do mês corrente.


Definições

Em definições personalize a formatação e defina um nome para as etiquetas.


Clique em "Salvar".


Veja abaixo como ficou o painel de exemplo com a adição desses indicadores:



Como criar painéis de gestão no Nomus ERP Industrial?


Cadastro de painéis


Em um painel clique no botão "Partilhar > URL" para abrir um quadro como apresentado a seguir:


Copie o endereço utilizando o botão "Copiar".


No Nomus ERP Industrial acesse a tela "Cadastro de painéis".


Preencha os campos:


Clique em "Salvar".


Após salvar, acesse a tela "Painéis" e veja que o sistema criou uma caixa para o painel criado.


Clique no painel e veja que o sistema abre o painel em uma nova aba do navegador.


Cadastro de gráficos e tabelas dinâmicas


Também é possível cadastrar um gráfico ou tabela dinâmica como painel no sistema Nomus.


Vamos fazer um exemplo com um gráfico.


Abra um gráfico no Dashboard e clique no botão "Partilhar > URL".


Siga o mesmo procedimento que já foi descrito para cadastro de um painel.


Como criar alertas para relatórios no Dashboard?


Se desejar é possível criar alertas para que o Dashboard envie por email relatórios gráficos e tabelas dinâmicas.


Vamos fazer um exemplo com um gráfico.


Acesse o gráfico no Dashboard e clique no botão "Alertas".


Configure o alerta em uma tela como a apresentada a seguir:



Após configurar o alerta é possível simular o envio do email.


Para fazer isso clique em "Gerir alertas" e depois clique no botão "Executar agora".


Como criar apresentações de slides no Dashboard?


No Dashboard é possível criar apresentações de slides.


Um slide é um relatório gráfico, tabela dinâmica ou painel criado, e você pode definir a sequência e a duração de cada slide durante a apresentação.


A apresentação de slides é muito útil quando você deseja apresentando os principais relatórios de um setor da empresa em uma televisão com informações em tempo real.


Para criar uma apresentação de slides acesse o menu "Definições > Apresentações de dispositivos".


Clique no botão "Criar apresentação de slides".


Crie a apresentação de slides como na imagem a seguir:



Clique em "Guardar" para salvar.


Na página seguinte defina o intervalo para troca de slides e copie a URL.


Cadastre um painel no sistema Nomus para apresentação de slides copiando a URL.


Acesse a tela "Painéis" e clique no painel criado.


Deixe a apresentação de slides executando e perceba que o sistema alterna os relatórios sozinho.


Como criar gráficos com geolocalização no Dashboard?


Acesse uma tabela de dados, por exemplo, a tabela de pedidos de venda.


Identifique colunas que tenha informação de localização como "País", "UF" ou "Município".


Escolha uma coluna chave para fazer a geolocalização.


Crie uma coluna de fórmula referenciando essa coluna chave.


Por exemplo, crie uma coluna "Municipio do cliente do pedido de venda geo" como na imagem apresentada a seguir:



Defina o tipo de dessa coluna para "Geolocalização > Município".


Após preparar a coluna crie um gráfico no Dashboard utilizando esta col.


Por exemplo, crie um gráfico com o valor total de pedido de venda por município como na imagem apresentada a seguir:



Após criar o gráfico adicione-o em uma painel e experimente a possibilidade de dar zoom nos dados.