O guia rápido do cadastro gerais de vendas tem as seções:

  • Tabela IBPT
  • Cadastro de Origens de negociação

Tabela IBPT


O que é a Tabela IBPT?


A Tabela IBPT é uma tabela de alíquotas aproximadas de impostos federais, estaduais e municipais de produtos e serviços disponibilizada pelo IBPT (Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário).


Essa tabela foi criado com o objetivo de apoiar as empresas no cumprimento da Lei 12.741, conhecida como "Lei da Transparência", que obriga as empresas a informar a carga tributária nos cupons e notas fiscais para o consumidor final.


Os valores e percentuais dos tributos informados para o consumidor final têm caráter informativo, referem-se a toda tributação que ocorreu sobre a cadeia produtiva até chegar ao consumidor final, visam o esclarecimento ao consumidor final de quanto está pagando de tributo e quanto efetivamente paga pelo produto ou serviço adquirido, e não são equivalentes ao valor dos tributos efetivamente recolhidos pela empresa.


O site do IBPT esclarece dúvidas frequentes neste link: https://deolhonoimposto.ibpt.org.br/Site/Faq 


O download da Tabela IBPT deve ser feito no site: https://deolhonoimposto.ibpt.org.br


Cada UF (Unidade da Federação) tem a sua tabela e você deve fazer o download da tabela referente à UF de todos os CNPJs da sua empresa.


As informações disponibilizadas na tabela IBPT são:

  • NCM (Nomenclatura Comum Mercosul) ou Código LC116 (Nomenclatura Brasileira de Serviços)
  • Exceção NCM
  • Carga tributária aproximada Federal de produtos e serviços nacionais: Produtos nacionais tem "Origem" igual a 0, 3, 4 ou 5.
  • Carga tributária aproximada Federal de produtos e serviços importados: Produtos importados tem "Origem" diferente de 0, 3, 4 ou 5.
  • Carga tributária aproximada Estadual
  • Carga tributária aproximada Municipal
  • Início da vigência
  • Fim da vigência
  • Chave que associa a Tabela IBPT baixada com a empresa
  • Versão
  • Fonte
  • UF


As cargas tributárias são as mesmas para todos os regimes tributários, Lucro Presumido, Lucro Real ou Simples Nacional.


A Tabela IBPT é atualizada periodicamente e recomendamos que a sua empresa mantenha essa tabela atualizada.


Veja abaixo uma imagem da tela Tabela IBPT no sistema Nomus:



Como importar a tabela IBPT?


Para facilitar a atualização o sistema Nomus disponibiliza a possibilidade de importação da tabela de IBPT


Para ver as tabelas IBPT já importadas é só acessar a tela "Tabela IBPT".


Para importar uma nova tabela IBPT para o sistema clique no botão "Importar Tabela IBPT".


Na tela de Importação de tabela IBPT selecione a "UF" e o arquivo que você obteve no site do IBPT, e depois clique no botão "Processar".


Como configurar o cadastro de tipos de movimentação para calcular o valor aproximado dos tributos?


Acesse a tela "Tipos de movimentação".


Edite o tipo de movimentação desejado, clique na aba "Fiscal" e marque a configuração "Calcula Valor Aproximado de Tributos de acordo com o IBPT".


É a partir da marcação dessa configuração que o sistema entende que deve calcular o valor aproximado dos tributos nos documentos de saída e documentos de venda de serviço.


Essa configuração deve ser marcada em todas as operações de venda ou saída para consumidor final. 


Como o sistema calcula valor aproximado de tributos?


Nas telas de documento de saída e documento de venda de serviço o sistema calcula:

  • Valor aproximado de tributos federais pelo IBPT
  • Valor aproximado de tributos estaduais pelo IBPT
  • Valor aproximado de tributos municipais pelo IBPT
  • Valor total aproximado de tributos pelo IBPT


Para calcular o valor aproximado dos tributos o sistema considera:

  • Tipo de movimentação do item do documento de saída
  • Estado da empresa do documento de saída
  • NCM/Exceção do produto
  • Origem do produto: Nacional ou Importado
  • Código LC116 do serviço
  • Vigência: sistema considera a vigência mais recente


Para cada item do documento a base para cálculo do valor aproximado dos tributos é:

  • Base de cálculo IBPT = Valor do produto - Valor do desconto incondicional


Valor aproximado de tributos nas informações complementares da NF-e


O valor aproximado dos tributos deve ser escrito no campo "Informações complementares de interesse do contribuinte" da NF-e.


Na tela de cadastro do documento de saída esse campo é apresentado na aba "Outras informações".


O sistema Nomus permite que o texto desse campo seja escrito a partir do cadastro de regras de tributação com tipo "Informações complementares da NF-e".


Estas regras de tributação são cadastradas a partir da tela "Regras de tributação".


Para cadastrar uma nova regra de tributação clique no botão "Criar regra de tributação" e selecione o tipo "Informações complementares da NF-e".


No campo "Informações complementares de interesse do contribuinte" você pode utilizar as variáveis apresentadas abaixo para o sistema escrever o valor aproximado de tributos pelo IBPT automaticamente:

  • @valorTributosIBPTFederal
  • @valorTributosIBPTEstadual
  • @valorTributosIBPTMunicipal
  • @valorTributosIBPTTotal


Sugerimos que o texto referente ao IBPT seja escrito da forma abaixo:


Tributos aproximados: R$ @valorTributosIBPTFederal (Federal), R$ @valorTributosIBPTEstadual (Estadual) e R$ @valorTributosIBPTMunicipal (Municipal) Fonte IBPT. Valor total aproximado dos tributos R$ @valorTributosIBPTTotal Fonte IBPT.


Valor aproximado de tributos nas informações complementares da NFS-e


O valor aproximado dos tributos deve ser escrito no campo "Descrição do serviço" da NFS-e.


Na tela de cadastro do documento de venda de serviço esse campo é apresentado no quadro "Informações gerais".


O sistema Nomus permite que o texto desse campo seja escrito a partir do campo "Descrição do serviço padrão" na aba "Fiscal" de um produto com tipo "Serviço".


No campo "Descrição do serviço padrão" você pode utilizar as variáveis apresentadas abaixo para o sistema escrever o valor aproximado de tributos pelo IBPT automaticamente:

  • @valorTributosIBPTFederal
  • @valorTributosIBPTMunicipal
  • @valorTributosIBPTTotal


Sugerimos que o texto referente ao IBPT seja escrito da forma abaixo:


Valor Aproximado dos Tributos R$ @valorTributosIBPTTotal Fonte IBPT.


Cadastro de Origens de Negociação


O que é o Cadastro de origens de negociação?


O cadastro de origens de negociação existe para que você consiga avaliar os canais de venda mais importantes da sua empresa.


Por exemplo, sua empresa pode cadastrar as seguintes origens de negociação:

  • 01 - Link patrocinado
  • 02 - Inboud Marketing
  • 03 - Outbound Marketing
  • 04 - Indicação de Cliente
    • 04.01 - Cliente Exemplo RJ
    • 04.02 - Cliente Exemplo SP
    • 04.03 - Cliente Exemplo MG
  • 05 - Indicação de Representante
  • 06 - Indicador de Vendedor
  • 07 - Organização de Eventos


Nas telas de cadastro de propostas comerciais, pedidos de venda e documentos de saída você pode informar a Origem da negociação.


Por fim a origem da negociação pode ser utilizada como um critério para comissionamento dos vendedores e representantes.


Veja abaixo uma imagem da tela Origens de negociação no sistema Nomus:


Como cadastrar uma origem de negociação?


Acesse à tela "Origens de negociação" e clique no botão "Criar origem de negociação".


Preencha os campos:

  • Classificação:  Informe uma classificação no padrão "01", "01.01", "01.01.01", etc. Utilize o ponto "." sempre que quiser "descer" 1 nível na árvore. Utilize de 2 a 3 números para classificação de cada nível. Um exemplo de classificação com 3 números nos 2o e 3o nível seria: "01", "01.001", "01.001.001".
  • Nome
  • Tipo: Selecione a opção "Analítico" para o último nível e "Sintético" para os demais níveis.
  • Ativo?


Clique no botão "Salvar".


Quais origens de negociação devem ser cadastradas?


Recomendamos avaliar todos os canais de venda da sua empresa e criar uma árvore de segmentação que faça sentido para boa gestão do seu negócio.


É importante ressaltar que o cadastro de origens de negociação é opcional.